Top

Luiz Gama terá caminhada virtual exaltando a sua memória

A  Caminhada Luiz Gama será realizada no dia  24 de agosto em São Paulo e assinala a passagem do 138º aniversário da morte do “maior abolicionista do Brasil” e “patrono da abolição da escravidão do Brasil”.  O evento – este ano em versão virtual por causa da pandemia –  dá continuidade a uma tradição iniciada por jornais da imprensa negra paulistana em 1931, ano em que foi  colocado um busto do herói em frente à Academia Paulista de Letras, no Largo do Arouche.  Desde aquela época, é regularmente realizada, no dia 21 de junho (data do nascimento, em 1830), ou em 24 de agosto (morte,1882), uma caminhada desde o busto até o túmulo de Luiz Gama no cemitério da Consolação.

Na versão deste ano, serão apresentados três atos online transmitidos pelo Facebook e pelos canais do Jornal Empoderado e Jornalistas Livres a partir de quinta-feira (20/08) até a próxima segunda-feira (24/08), quando ocorrerá uma “caminhada virtual”. Em vídeo produzido pelo ator, escritor e produtor cultural Max Mu e sua companheira, a gestora de projetos e produtora cultural Marília Santos, serão exibidos pontos históricos da cidades  relacionados com a vida e a memória de Luiz Gama. Além disso, personalidades como João Acaiabe, Oswaldo Faustino, Naruna Costa, Max Mu, Ailton Graça, Eduardo Silva, Dinho Nascimento e Cyda Baú, entre outros, gravaram em vídeos trechos de um texto escrito por Raul Pompeia por ocasião da morte de Gama, que serão intercalados à exibição do percurso.

Também faz parte da programação do evento um ciclo de atividades virtuais que vão contemplar os diversos campos de atuação do abolicionista, todas previstas para as 19h: no dia 20/08 (5ª feira) irá ao ar o debate Luiz Gama para Advogados; na sexta, dia 21, Luiz Gama para Escritores; e no sábado, dia 22, Luiz Gama para Jornalistas.

No domingo (23/08), será exibido o vídeo Ação Catadoras “190 anos de Luiz Gama e a Liberdade de ser o que se é”, com exibição prevista para 11h30 e 19h.  Na segunda (24), após a Caminhada, serão exibidos os vídeos Luiz Gama: Defensor dos Escravos, do Direito e das Liberdades  Democráticas (18h) e uma retrospectiva e conversa sobre a peça Luiz Gama, Uma voz  pela Liberdade, às 21h.

Ao lado de Max Mu, participam da  coordenação do evento  Caminhada Luiz Gama os jornalistas Abílio Ferreira, Flavio Carrança e Oswaldo Faustino e a produtora cultural Cristina Adelina.

Publicar Comentário