Top

Afropunk Johanesburgo: we see you

Viagem ocorre entre os dias 28 de dezembro e 4 de janeiro e é parceria entre Brafrika Viagens, Black Bird e Go Diaspora

Estar no maior festival de cultura negra do mundo, o Afropunk, e passar o réveillon na África do Sul. Essa é a proposta da viagem organizada pela Brafrika Viagens, Black Bird Viagem e Go Diáspora. O Afropunk Johanesburgo é uma das edições mais recentes do festival que ocorre também em Atlanta e Brooklin, nos Estados Unidos, em Paris, e Londres. A viagem ocorre entre os dias 28 de dezembro de 2019 e 4 de janeiro de 2020 para assistir shows que reunirão estrelas da música negra do hip hop, r&b e neo-soul. A festa brasileira Batekoo também estará no set list.

As empresas preparam ainda uma programação imperdível fora dos palcos, com consciência social, arte, moda e estilo de vida em um ambiente cuidadosamente criado para a celebração da cultura negra. Brafrika, Black Bird e Go Diaspora buscam trazer um olhar inclusivo para o mercado de turismo brasileiro promovendo roteiros especiais afro-referenciados. Em 2020, o Afropunk pretende fazer uma edição em Salvador, mas quem já foi ao festival sabe que cada edição é única e a do continente africano é uma das mais especiais, sendo realizada em Constitution Hill, antiga prisão que abrigou prisioneiros políticos como o ex-presidente Nelson Mandela.

Fotos: Newman Costa

“A experiência começa desde o aeroporto, quando a gente ocupa o avião de uma companhia africana e percebe que a maior parte dos atendentes é composta por pessoas negras. Quando você desembarca há um choque de negritude em diferentes posições, na propaganda, viajando”, afirma a presidente da Go Diaspora, Sauane Bispo.

O pacote de viagem inclui hospedagem no hotel oficial do Afropunk, tour de boas vindas pelo centro da cidade, imersão no Soweto (maior bairro periférico da África do Sul) com almoço em espaço comunitário e foco jovem e musical; bus tour de dois que inclui paradas no Museu do Apartheid, no Carlton Center, prédio que possibilita vista de 360 graus da cidade. “Você pode descer e pegar os ônibus que passam a cada 20 minutos durante todo o dia”, explica Sauane.

“Foi a melhor experiência de todas”, dizem Bruna Farias e Camila Ramos, que fizeram a vivência em 2018. “É muito simbólico, uma empresa de pessoas negras, vendendo para pessoas negras, que personalizou nossa viagem e nos atendeu em tudo que precisávamos”, afirma Bruna. Já Camila emenda: “Foi nossa primeira vez no continente. A sensação é indescritível, de estar voltando para casa. Todo mundo é lindo, são diferentes etnias, falando muitas línguas. Além disso, eles são atenciosos e gentis”, considera.

A experiência sai a partir de US$ 935 e contempla traslados terrestres, hospedagem, ingressos para o festival, visita ao Soweto, bus tour e seguro saúde. Os tickets aéreos devem ser adquiridos a parte por cada viajante.

Mais informações:

+55 11 97603-2002 (Brafrika)

contato@brafrika.com.br

www.brafrika.com.br

www.blackbirdviagem.com.br

www.godiaspora.com.br

 

 

Publicar Comentário